800 200 770
Disponivel apenas em Portugal
MaxPay
 800 200 770 
Disponivel apenas em Portugal
Área Cliente

PROTEJA-SE CONTRA A FRAUDE

Embora a fraude não se trate de um problema recente, a evolução das novas tecnologias e das redes sociais trouxe aos fraudulentos novos meios para a prática de crimes fiscais, abuso de poder, coação, manipulação, branqueamento de capitais e financiamento de terrorismo.

Para que possa evitar ser vítima de crimes de fraude, a MaxPay recomenda:

Os fraudulentos podem ser criminosos bastante criativos na "arte de roubar" informações que lhes permitam proceder ao seu dinheiro através dos dados dos seus cartões e utilizá-los para a realização de débitos não autorizados. Esta prática pode ser exercida por qualquer pessoa que se encontre à sua volta, incluindo os próprios lojistas, vendedores ou empregados, 

Minimize os riscos de fraude:

- Proteja-se e prive-se aquando do momento da inserção de códigos operacionais em máquinas de multibanco, seja para efectuar transferências, pagamentos, verificação de saldos de conta e extratos bancários, ou para toda e qualquer operação que realizar com o seu cartão de crédito ou débito;
- Antes de inserir o seu código de operações, verifique que o montante inserido nas máquinas corresponde ao montante real da sua compra;
- Guarde cópias dos recibos de compras e pagamentos durante o período seguinte à realização da compra;
- Atualize e confira com regularidade os seus extratos de contas bancárias;

- Em caso de roubo ou perca de documentos de identidade e cartões de operações bancárias, contacte imediatamente a polícia mais próxima do local de furto ou perda e informe o seu banco para cancelamento de operações;


Fraude online, evite-a!

Na compra e venda de bens na internet, todo o cuidado é pouco. Na sua generalidade, os praticantes de crimes de fraude procuram, sobretudo, obter todas as suas informações pessoais, bem como dados relativos a contas bancárias, contactos telefónicos, dados de acesso (utilizadores e passwords) a contas bancárias, e-mails e contas pessoais, entre outros.

Como evitar ser vítima de fraude online:


- Não forneça os seus dados de acesso a áreas pessoais a toda e qualquer pessoa;

- Ao criar novas senhas de acesso (passwords), certifique-se de que esta é de grau elevado de memorização, pessoal e intransmissível;
- Quando receber e-mails de origem suspeita ou desconhecida, não os abra e coloque-os diretamente na reciclagem;
- Tenha em atenção as tentativas de manipulação através de chats e outras plataformas de conversação online;
- Não permita que o seu browser de internet memorize as passwords automaticamente nos websites de acesso a dados pessoais e confidenciais;
- Faça downloads de documentos e outros apenas e só a partir de sites certificados;
- Acompanhe diariamente as suas compras online e não se iniba de colocar questões acerca do estado das suas transferências junto das entidades vendedoras.

PROTEJA-SE CONTRA A FRAUDE

Sempre que suspeite ou tenha evidências de ter sido vítima de ocorrência na forma tentada ou consumada de qualquer tipo de fraude, nos serviços prestados pela nossa instituição, deve informar, de imediato, e através dos canais seguidamente indicados:

1 - Área, contacto e responsável pelo apoio aos clientes em situações de fraude

A área à qual incumbe o apoio aos clientes em caso de fraude e de reclamações relacionadas com fraude, é a área de Auditoria Interna, a qual tem como responsável a colaboradora Ana Rita Pires.

Contactos:
Departamento de Auditoria Interna

e-mail: suspeito.fraude@maxpay.com.pt
Praça Duque de Saldanha, nº 1 – 4º piso – Sala GB – 1050-094 Lisboa

2 - Vias de comunicação de informações em caso de fraude 

Clientes e Terceiros: As comunicações dos clientes ou de terceiros deverão ser feitas através do seguinte endereço de e-mail: suspeito.fraude@maxpay.com.pt 

Funcionários: Qualquer funcionário tem a obrigação de denunciar situações de fraude, ainda que possam ser apenas aparentes. As comunicações dos funcionários serão feitas através do seguinte endereço de e-mail: suspeito.fraude@maxpay.com.pt 

 ====================================    

PROTECT YOURSELF AGAINST FRAUD

Whenever you suspect or have evidence that you have been a victim of an attempted or consumed form of fraud in the services provided by our institution, you should immediately inform us through the following channels:

1 - Area, contact and responsible for customer support in fraud situations

The area responsible for supporting costumers  in the event of fraud and fraud related complaints is the Internal Audit area, which is headed by Ana Rita Pires.

Contacts:
Internal Audit Department

E-mail: suspeito.fraude@maxpay.com.pt
Praça Duque de Saldanha, nº 1 - 4th floor - Room GB - 1050-094 Lisbon

2 - Routes of communication of information in case of fraud

Costumers and Third Parties: communications must be made through the following email address: suspeito.fraude@maxpay.com.pt

Employees: All employees have the obligation to report situations of fraud, even though they may only be apparent. Employees’ communications will be made through the following e-mail address: suspeito.fraude@maxpay.com.pt

FAQ'S - Transferências - Câmbios - Tele-Envio - Preçário - Proteja-se contra a fraude - Resolução Alternativa de Conflitos de Consumo
CÂMBIOS - Taxas de Câmbio - Localizar Lojas - Como comprar e vender moeda?
TRANSFERÊNCIAS - Transferências - Destinos de Pagamento - Área de Cliente - Envios Online - APP MaxPay Mobile - Tele-Envio - Como efectuar transferências? - Localizar Balcões
LOCALIZAR BALCÕES
QUEM SOMOS - Sobre Nós - Missão e Visão - Valores - Órgãos Sociais - Sustentabilidade e Responsabilidade - Imprensa - Contas e Resultados - Política de Privacidade
© MaxPay, Todos os direitos reservados | Sede: Edifício Atrium Saldanha | Praça Duque de Saldanha, Nº1 - 4ºG-b . 1050-094 Lisboa, PORTUGAL
Telef.: (+351) 210 438 270 | geral@maxpay.com.pt

Alojamentos Web, Registo de Domínios, Lojas Online, Servidores Dedicados